Uncategorized

Melhores práticas: Dispositivos recomendados na partição de boot do vSphere

Desde o vSphere 7 a VMware fez mudanças significativas na arquitetura do Hypervisor para atender as novas demandas de cargas de trabalho mais robustas, modernas e escaláveis, utilizando mais eficientemente o hardware virtualizado, aumentando assim a densidade de VMs por host, melhorando as funcionalidades já existentes e preparando a arquitetura para entregar funções que apontam para o futuro das arquiteturas de Cloud: 

  • TKG
  • CNS
  • Native File Services
  • DRS 2.0
  • Cross vCenter vMotion
  • vLCM
  • Key Provider Nativo
  • Suporte à NVIDIA Ampere para AI
  • vMotion Auto-Scaling
  • ESXi Suspend-to-memory
  • HCI Mesh Compute nodes

E isso apenas para citar uma pequena parcela das novidades das últimas versões.

Para tanto, redesenhamos muita coisa, e a partição de boot também mudou (veja no link abaixo os detalhes das mudanças).

Essas alterações exigem mais performance e durabilidade do dispositivo de boot, o que pode fazer com que ele se desgaste rapidamente se for um dispositivo USB ou SD de baixa qualidade (com endurance baixo, genérico ou não enterprise).

Esse desgaste, também conhecido como wear-out, resulta em falha no dispositivo, o que pode causar a falsa percepção de um Bug.

Abaixo estão os detalhes sobre os problemas comuns relacionados à utilização de SD-Cards para boot nas novas versões do vSphere.

Note: Pointing the scratch location to a partition on an SD card or USB stick is not recommended. These devices only have a limited amount of read/write cycles. Since we not longer throttle the I/O for the scratch location, this amount can be quickly exhausted, which does impose the risk of the whole device, including the boot partitions it holds, getting corrupted with out being recoverable.

Existem alguns Workarounds temporários, que exigem o remanejamento de diversos serviços do ESXi para diferentes tipos de mídia e podem mitigar a situação no curto-prazo, mas o que vai ajudar o cliente definitivamente é levarmos a informação de que é necessário avaliar o tipo de mídia  de boot que está sendo adquirido (ou utilizado) no ambiente de virtualização e prepara-lo para esta nova geração de Hypervisors ao prosseguir com a atualização.

Cartões SD ou USB Sticks não são foram pensados para ambientes Enterprise e seu comportamento é imprevisível. Vamos ajudar nossos clientes nesta etapa de atualização e adoção desta nova geração do vSphere. 

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *