escrito em

0 Comments

A VMware Brasil foi uma das participantes do Futurecom 2015, um dos maiores eventos de telecomunicações e tecnologia da América Latina, que termina nesta quarta-feira (28). Além de reunir grandes players deste mercado no continente, a feira oferece congressos e palestras às empresas e profissionais participantes, além da oportunidade de para o desenvolvimento de negócios e networking.

12179158_10153917633536756_193430627_n

Foram cerca de 15 mil participantes em três dias de evento, 4 mil congressistas, para visitarem 350 expositores, distribuídos em quase 24 mil metros quadrados de feira e espaços para reuniões e apresentações de paineis.

O Vice-Presidente de Operações para Telecomunicações e NFV do grupo VMware, Dave Wright, participou na manhã desta terça-feira (27) de uma mesa redonda sobre tendências tecnológicas voltadas para as telecomunicações e os obstáculos enfrentados pelo mercado atual, dentro do Futurecom 2015.

12181774_10153917633601756_1232931485_n

O executivo comentou, inicialmente, sobre quais partes da rede podem agregar valor onde a nuvem pública não pode. Para ele, a internet das coisas é justamente uma destas áreas.

Em suas oportunidades para conversar com o público presente ao Congresso dentro do evento, Wright falou sobre a centralização de dados no momento certo, da maneira mais bem aplicada, para trazer benefícios para empresas e consumidores.

Uma das preocupações expostas por Dave é a forma como estes serviços são executados, das redes como verdadeiras plataformas e, principalmente, o que uma rede pode ser para podermos lidar com os obstáculos atuais.

A nuvem pública traz valor para onde os dados são persistentes e a computação dos dados não é feita em tempo real, bem como os seus resultados. Quais partes da rede podem agregar valor?  Onde estão estes dados? Isso está mudando, assim como a coleta dos dados, dos usuários, dos aplicativos e da nossa velocidade também. Em sua participação durante um painel dentro do Futurecom 2015, O Vice-Presidente de Operações para Telecomunicações e NFV do grupo VMware, Dave Wright falou sobre as mudanças na maneira das pessoas se comunicarem, ao longo dos tempos. Um dos assuntos debatidos dizia respeito sobre a utilização da voz nas comunicações, nos próximos dois anos. Foi quando Dave comentou, provocando risadas na plateia presente, “Meus filhos mandam mensagens de texto um para o outro estando ao lado!”.

Apesar das mudanças, o VP reiterou que ainda existe engajamento e tecnologia para a voz, mesmo que ela perca algum espaço. Ele também citou dois exemplos importantes do que considera o atual “metauniverso”.

“O Facebook e os óculos (Google Glass), o que chamamos de tecnologia vestível, híbrida, com alta capacidade de processamento, são dispositivos que funcionarão como pontos de mediação para aumentar nossas experiências. É o hiperuniverso ao nosso alcance, um processamento não centralizado, uma maneira sem precedentes de compartilhamento de conteúdo. Porém, o mais importante, é que estas “caixas-pretas” das redes aproximem esses contextos de maneira inteligente, com criatividade e, naturalmente, gerando oportunidades de negócios.”

Para obter mais informações sobre a VMware, acesse nosso site no Brasil. Você também pode nos seguir no Facebook, no Twitter, e no Youtube para receber as notícias mais recentes sobre a VMware.

Contatar o departamento de vendas aqui.